Alquimia interior: psicoaromaterapia e tarot

Eu chamo de Alquimia interior um conjunto de práticas terapêuticas, aplicadas em um atendimento clínico individual, feito por mim. Nesse atendimento, desenvolvi uma abordagem terapêutica própria, onde ofereço ao consulente uma leitura arquetípica do tarot, e posteriormente, desenvolvo um perfume individual, para uma imersão na experiência da psicoaromaterapia.

 

terapia
Foto: Marcella Karmann

Por que o nome Alquimia?

 

A Alquimia é uma prática antiga. É a união de vários processos, para se obter o resultado final da transmutação. 

Nas práticas alquímicas, o operador passa por experiências psíquicas enquanto faz as experiências químicas. O processo químico ocorrido nada tem a ver com os processos que estão ocorrendo internamente com o operador, mas vivenciar essa experiência externa movimenta as águas da própria psique. Por isso a alquimia ocorre externa e internamente, quando estamos fazendo algum tipo de ritual de criação, com presença integral nesse ato.

Amor proprio
Foto: Fernanda Preto

 

O ritual – conjunto de práticas, de criação, seja ele fazer um chá ou um xarope, pode ser um processo alquímico, ao se estar ali com presença e disponível para vivenciar o processo.

Acredito que o conjunto de práticas:

olhar para dentro (aqui, com a ajuda do tarot, principalmente),

investigar questões que estão causando algum incômodo,

utilizar a cada dia, por determinado período um perfume,

tudo isso, é um conjunto de práticas que pode ser considerado um ritual.

Quando alguém se coloca disponível para realizar esse ritual, com presença, está praticando alquimia, em um outro nível. Nessa alquimia, não buscamos transformar algo na matéria, como seria em uma prática de laboratório, mas, transformar algo no próprio interior.

O intuito da sinergia de técnicas terapêuticas utilizadas no Alquimia interior é facilitar a transformação de um sentimento, trauma ou um padrão de comportamento em aprendizado & consciência.

Esse nome Alquimia inspira o processo que tem um objetivo principal: a transformação. A transformação não quer dizer eliminação de uma mágoa ou um padrão de comportamento da psique, mas, sim, a mudança da maneira como se olha e como se reage à uma questão. E essa mudança ocorre a partir da conscientização e clareza dessa questão específica (que vem a partir da leitura do tarot) junto ao equilíbrio emocional e neuroquímico promovido a partir do uso de óleos essenciais (sinergia perfume botânico).

Qualquer tipo de transformação só pode ocorrer se houver disponibilidade do indivíduo para vivenciar o processo.

Aqui, a Alquimia acontece a partir da união de disponibilidade do indivíduo e do apoio terapêutico (o meu apoio, como profissional, e o suporte químico&vibracional do perfume botânico).

 

Como é feita a leitura do tarot?

 

Olhar as cartas do tarot é olhar profundamente a si mesmo.

Podemos encontrar, a partir desse olhar, uma fonte de sabedoria, que nos auxilia na resolução de problemas pessoais e possibilita o autoconhecimento.

No Alquimia interior, durante a primeira sessão do atendimento, logo depois de uma conversa e uma de anamnese (muito importante em qualquer atendimento de saúde!), é feita uma leitura de tarot.

Essa leitura é feita de acordo com a questão principal que o consulente deseja transmutar no processo alquímico.

tarot
Foto: Marcella Karmann

 

Na leitura, podemos investigar:

  • o que a questão representa para o consulente;
  • quais padrões familiares e espirituais (individuais) influenciam nessa questão específica;
  • como lidar com a questão de uma maneira saudável – quais ações podem auxiliar para o alcance desse equilíbrio;
  • quais os aprendizados proporcionados por essa experiência.

 

 

Respostas e direcionamentos para essas questões são indicadas através das imagens arquetípicas que as cartas de tarot trazem, e o que essas imagens representam.

A leitura dessa imagens é baseada nos estudos de Sallie Nichols: Jung e o Tarô, e em minhas experiências pessoais vivenciadas em cursos, estudos e práticas com o tarot.

 

O que é a psicoaromaterapia?

 

perfume terapeutico-2
Perfume terapêutico em óleo. Foto: Marcella Karmann

 

A psicoaromaterapia é a utilização dos óleos essenciais para a finalidade de se cuidar da psique.

Existe dentro da psicoaromaterapia, várias formas abordagens terapêuticas. A que eu utilizo, é baseada na medicina convencional, porém considera o ser humano como um todo – corpo físico, psique (mente, emoções e energia) e espírito.

Considerar o ser humano como um todo quer dizer olhar para tudo o que influencia em sua saúde: seu estado físico, mental, emocional, contexto de vida, entre outros fatores.

 

 

Dentro da psicoaromaterapia, podemos fazer um tratamento com a finalidade de:

  • reequilíbrio e fortalecimento emocional e neuroquímico,
  • autodesenvolvimento
  • expansão da consciência.

Para realizar essa prática terapêutica, utilizamos os óleos essenciais para formular um perfume único, feito de acordo com as necessidades pessoais.

Esse perfume é formulado considerado aspectos que geram um desequilíbrio emocional e químico, assim como os aspectos que podem ser fortalecidos.

atendimento clinico fitoterapia
Formulação de um perfume terapêutico. Foto: Marcella Karmann

Para essa formulação, os óleos essenciais são selecionados de acordo com alguns critérios:

  • utilizando as memórias olfativas positivas que o consulente possui
  • indicações e contra indicações, considerando a saúde física
  • buscando nas faltas ou excessos apresentados pelo consulente, uma forma de compensação e equilíbrio, a partir das características químicas e vibracionais que determinado óleo essencial oferece
  • fortalecendo a característica emocional/química que é carente ao indivíduo

O resultado é um perfume botânico individualizado, com uma formulação sinérgica, unindo os mecanismos de ação da alopatia natural e da homeofisiologia.

 

O que é uma formulação sinérgica?

Sinergia é união. Quando unimos duas ou mais plantas em uma formulação, com finalidade terapêutica, podemos chamar essa mistura de sinergia. Elas são feitas, geralmente, com a finalidade de expandir o efeito terapêutico de uma fórmula.

 

Como o perfume terapêutico é utilizado?

O perfume terapêutico é utilizado por inalação, em um período de tempo que chamo de imersão.

O uso constante, por alguns dias, é o que vai possibilitar ter o efeito desejado.

Essa inalação é simples, mas precisa ser feita com presença. É importante ter alguns minutos para realizá-la, pois precisamos inalar profundamente, algumas vezes, para absorver o máximo possível das partículas aromáticas.

Uma outra opção ao perfume intimista (o frasco nas fotos acima), que é aplicado diretamente na pele, é a sinergia de óleos essenciais a 100%, ou seja, sem o óleo base que possibilita a formulação do perfume. Essa sinergia 100% óleos essenciais pode ser utilizada no difusor de ambientes (umidificador ultrassônico. Não recomendo outro tipo de difusor ambiental) ou diretamente no colar difusor. A desvantagem, nesse caso, é que acaba-se perdendo o ritual de pausa para inalação do aroma. A pausa para esse autocuidado é muito importante. Ela é um momento valioso, onde informações importantes podem vir à consciência.

O tempo de utilização é variável para cada situação, mas, geralmente, a inalação é feita entre 1 e 3 vezes ao dia, por 3 a 4 semanas.

oleo terapeutico
Aplicação do perfume terapêutico. Foto: Marcella Karmann.

Práticas potencializadoras do processo: rituais & diário terapêutico

Para o período de imersão (tempo de utilização do perfume), posso indicar algumas práticas terapêuticas para potencializar o processo alquímico.

Diario de farmacia natural
Diário da Farmácia natural. Foto: Marcella Karmann

Uma delas é o diário da farmácia natural.

Ter um diário é uma poderosa ferramenta terapêutica.

É uma ótima opção, para quem gosta da escrita. Escrever pode auxiliar a ver com mais clareza os acontecimentos, sentimentos, e então compreender os que eles têm a ensinar.

Ali, no diário, pode-se expressar livremente e também criar memórias visuais dos registros.

No diário, podem ser registrados sonhos, insights, e o que mais vier à consciência.

 

Outros rituais, como a meditação e os banhos são práticas que posso indicar para enriquecer a imersão. Não são práticas obrigatórias, e sem sempre eu indico algo. Isso é bem variável de indivíduo pra indivíduo.

rituais terapeuticos
Kit para ritual do banho. Foto: Marcella Karmann

 

As bases que fundamentam o Alquimia interior

Esse atendimento se compõe de um conjunto de práticas terapêuticas: a leitura do tarot e a psicoaromaterapia (que inclui a aromaterapia vibracional e a psicofarmacologia dos óleos essenciais).

Atendimento clinico farmacia natural
Foto: Marcella Karmann

Quando desenvolvi esse formato, já havia passado por diversas experiências com práticas terapêuticas, dentro da graduação em Farmácia e após, em cursos de aromatologia, reiki, tarot. A prática clínica de atenção farmacêutica nos estágios da graduação e alguns trabalhos voluntários em atendimentos terapêuticos me fizeram compreender a importância do tempo, dentro de um trabalho terapêutico.

Com tempo, é possível ouvir, perceber e compreender o que um consulente busca equilibrar em si mesmo.

Somente a partir dessa compreensão é possível auxiliar o outro nos cuidados da saúde e no autoconhecimento.

Por isso o tempo – tão importante para um atendimento de qualidade, o apoio –que estou disponível para ofertar durante o período de imersão, assim como todo o meu conhecimento técnico e experiências pessoais e profissionais, são a base de cada atendimento que eu realizo.

 

Agenda para atendimentos online

 

Como são atendimentos de Alquimia interior são tratamentos prolongados, e eu acompanho de perto cada pessoa que eu atendo, a agenda cíclica é o formato mais indicado para acomodar esse trabalho.

O tempo total de todo o atendimento é de aproximadamente 2 meses, e inclui: 1ª sessão, tempo de formulação do perfume terapêutico (pós-sessão), tempo de envio do perfume, tempo da imersão- uso do perfume e práticas complementares, acompanhamento durante a imersão e sessão de retorno.

No ano de 2020, teremos 3 ciclos do Alquimia interior, iniciados nos períodos:

  • 03 a 09/02

  • 20 a 26/07

  • 16 a 22/11

Durante a semana de abertura da agenda, podem ser feitas as conversas de sessão de descoberta, momento onde fazemos uma videochamada. Essa conversa é essencial, para que eu possa ouvir as suas necessidades e expectativas em relação ao atendimento, e então, identificar se esse trabalho que eu faço é indicado para as suas demandas.

Nessa conversa, eu também forneço mais detalhes sobre o processo terapêutico, como: as aplicações da leitura do tarot, considerando o seu processo individual; valores do atendimento; e também o esclarecimento de eventuais dúvidas que você tiver.

A sessão de descoberta dura aproximadamente 20-30 minutos, é gratuita, e é feita via Skype. Somente após a sessão de descoberta, podemos agendar de fato o atendimento.

 

Para agendar a sua sessão de descoberta, clique aqui.

 

Informações complementares

 

Esse atendimento é uma terapia integrativa e complementar, e não substitui atendimentos psicoterapêuticos com o profissional psicólogo/psicanalista ou qualquer outro atendimento na área da saúde.

A psicoterapia com um profissional da área (psicólogo/psicanalista) é recomendada. Essa prática, quando feita junto com o conjunto de práticas Alquimia interior, enriquece e potencializa o processo terapêutico.

A leitura de tarot tem a finalidade de autoconhecimento. Não são feitas leituras divinatórias (previsão do futuro) nesse atendimento. Também não são realizadas leituras sobre terceiros.

As sinergias aromaterápicas são formuladas de forma individualizada, ou seja, totalmente personalizadas de acordo com as necessidades do consulente

As sinergias aromaterápicas sempre são formuladas considerando as propriedades químicas, farmacológicas e vibracionais dos óleos essenciais.

A prática diário terapêutico é recomendada como uma forma de potencializar o tratamento psicoaromaterápico. As informações registradas nesse diário são para a finalidade de autoconhecimento do consulente, e não são necessariamente compartilhadas com a terapeuta.

Informações como os sonhos do consulente podem ser registradas no diário como uma forma de autoconhecimento e compreensão de seu processo, para posterior análise com um psicoterapeuta ou mesmo uma autoanálise do consulente. A análise de sonhos não faz parte do Alquimia interior.

Todas as informações compartilhadas no processo terapêutico Alquimia interior estão protegidas por sigilo profissional.

Os envios de sinergias são feitos, por enquanto, somente dentro do território brasileiro.

O uso de sinergias aromaterápicas não substituem o uso de medicamentos ou outras práticas terapêuticas.

Outras práticas e produtos indicados como terapia complementar, não estão inclusos no Alquimia interior.

 


 

 

48
Foto: Fernanda Preto

 

Aqui, tudo é feito com tempo, com calma, à mão, com olhar atento e com amor.

Feito de alma para alma.

 

Sobre a terapeuta

 

Oi! Eu sou a Nathânia.

Sou farmacêutica, com habilitação em Fitoterapia Clínica, e sou Aromaterapeuta integrativa. Tenho, além da formação acadêmica, outras habilidades e experiências humanas e artísticas, que me fazem ter um olhar muito sensitivo sobre o as pessoas e a natureza.

Estudo as ciências da saúde e as plantas medicinais há 10 anos, e fundei, em 2018, a empresa Botica da Morgana, onde atuo ministrando cursos de Farmácia natural, realizando vivências e atendimentos clínicos de Fitoterapia e Aromaterapia.

cultivo de plantas medicinais
Nathânia Frutuoso. Foto: Marcella Karmann

 


Bibliografia

 

ALVARENGA, Juliana. A Poética da substância: procedimentos da alquimia em artistas contemporâneos. Belo Horizonte, MG: Relicário Edições, 2016.

CASTRO, Mayra Côrrea e. Teorias da Psicoaromaterapia. Casa Máy. Curitiba: 2018.

EDINGER, Edward F. Anatomia da psique: o simbolismo alquímico na psicoterapia. São Paulo: Cultrix, 2006.

JUNIOR, Jair Guilherme dos Santos. Psicofarmacologia dos óleos essenciais. Instituto Brasileiro de Aromatologia. Belo Horizonte: 2019.

NICHOLS, Sallie. Jung e o tarô: uma jornada arquetípica. São Paulo: Cultrix, 2007.

STEFANI, Stefano. A Quintessência espagírica como introdução à Alquimia. Iº Congresso Brasileiro de Aromatologia. Belo Horizonte: 2012.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s